Comitê Olímpico Internacional adia Jogos Olímpicos de Tóquio para 2021

24/03/2020
13:34:08

O Comitê Olímpico Internacional (COI) oficializou nesta terça-feira, 24, o adiamento para 2021 das Olimpíadas de Tóquio em decorrência da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). A decisão aconteceu após uma teleconferência entre o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, e o presidente do COI, Thomas Bach.

Abe e Bach conversaram por telefone hoje para decidir o futuro dos Jogos Olímpicos. Na ocasião, o dirigente alemão não resistiu a pressão e aceitou a proposta do premier japonês de adiar o início da competição. “Nas atuais circunstâncias, e com base nas informações fornecidas hoje pela OMS, o Presidente do COI e o Primeiro Ministro do Japão concluíram que os Jogos da 32ª Olimpíada de Tóquio devem ser remarcados para uma data posterior a 2020, mas o mais tardar no verão de 2021, para proteger a saúde dos atletas, todos os envolvidos nos Jogos Olímpicos e na comunidade internacional “, anunciou o COI.

O adiamento dos Jogos já havia sido pedido anteriormente pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) e diversas outras autoridades.
Os Comitês Olímpico e Paralímpico do Canadá, por exemplo, informaram que não enviariam seus atletas caso os Jogos fossem disputados em 2020.

Com 33 esportes, as Olimpíadas seriam disputadas por cerca de 11 mil atletas de mais de 200 países. O COI e o Comitê Organizador de Tóquio esperavam receber até cinco milhões de pessoas para a competição.

As Olimpíadas estavam agendadas para ser disputada entre os dias 24 de julho e 9 de agosto.

Fonte: Ansa via Canção Nova