64,00%


Ajude - nos!
Faça o seu depósito no
              Banese - Ag. 051 
              C.C: 03/100.111-9
Faltam4 dias
Peça sua Oração
Peça sua Música
Reclamações

Notícias

05/08/2014

05.08.2014 - A importância dos Mandamentos


Queremos comparar o Terceiro capítulo do Catecismo como o rosto da fé. A Exortação Apóstolica pós-sinodal Verbum Domini, do Papa Bento XVI, reutiliza essa imagem da Palavra que tem um rosto: Jesus Cristo. O Papa, agora emérito, lembra nesse documento uma expressão forte dos Padres da Igreja, com P maiúsculo, entendendo os primeiros Santos do início do Cristianismo: O Verbo abreviou-Se. Esse termo os Padres da Igreja tiraram do livro do profeta Isaías, repetida pelo próprio São Paulo, que diz: “O Senhor compendiou a sua Palavra, abreviou--a” (Is 10, 23; Rm 9, 28). O próprio Filho é a Palavra, é o Logos: a Palavra eterna fez-Se pequena; tão pequena que coube numa manjedoura - diz o Papa. Fez-Se criança, para que a Palavra possa ser compreendida por nós». E conclui Bento XVI: Desde então a Palavra já não é apenas audível, não possui somente uma voz; agora a Palavra tem um rosto, que por isso mesmo podemos ver: Jesus de Nazaré.

Nesse terceiro capitulo do Catecismo queremos entender o rosto verdadeiro da fé Católica, que emana dos mandamentos de Cristo. Cristo é o rosto do Pai revelado a nós. Os mandamentos vividos é o rosto do cristão ao mundo. Lembro mais uma vez aqui a frase de Cristo apontada na sua Oração Sacerdotal: “Nisso conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros”. De nada adiantaria o primeiro capítulo sobre o Creio e o segundo capítulo dos sacramentos, se no terceiro a Igreja não apontasse ao cristão o que ele realmente deve viver para ganhar a vida Eterna. 

O Evangelho nos conta que se aproximou de Jesus um jovem muito rico e que lhe perguntou: “Mestre, o que devo fazer para ganhar a vida eterna?”. Jesus lhe respondeu assim: “Se queres entrar na vida, observa os mandamentos”. Isso está em Mateus capítulo 19, versículo 17. Desta forma tão clara, Cristo indicou a esse jovem – e a cada um de nós - qual o caminho para ir para o céu. Efetivamente, ouvinte, o cumprimento dos mandamentos é o caminho para salvar-se. Quem os cumpre, se salva; quem não os cumpre, se condena. Deus revelou a Moisés os dez mandamentos, no Monte Sinai, deixando-os gravados em duas tábuas de pedra para que seu povo nunca os esquecesse. Jesus Cristo aperfeiçoou a lei, agora escrita não em pedras, mas em nosso coração, e pediu a Igreja que a guardasse e ensinasse a todos os seres humanos. Seguir a Jesus Cristo implica no cumprimento dos mandamentos, que Jesus resumiu em dois, que no fundo é um só: AMAR A DEUS NO IRMÃO. 

A Paz e a benção de Deus”. 



 


Fonte/Autor: Radio Vaticano

Deixe seu Comentário

Ainda não há comentários, seja o primeiro a comentar.

Seu Nome:

Seu E-mail:  (Não será divulgado)

Comentários:
   Página de 10     ( Total de Registros: 93 )

 

 
© Copyright 2009  Rádio Cultura de Sergipe
Rua Simão Dias, 643  Centro · Aracaju/SE
(79) 3226-8710 · 3226-8704 · 3226-8700  |  cultura@cultura670.com.br
 
 
 
Desenvolvido por Forma&Cor - Comunicação e Design